sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Sérvia

Tempo para relembrar uma viagem de trabalho a uma cidade e país onde provavelmente nunca iria em férias: Belgrado, na Sérvia. O tempo para passear normalmente é pouco, mas depois das reuniões ainda conseguimos apanhar um pôr do sol na fortaleza, com vista para a confluência dos rios que rodeiam a cidade. A cidade tem partes muito decadentes, com prédios a relembrar a guerra que por aqui passou há menos de vinte anos, mas tem também partes muito bonitas que mostram outras camadas do tempo, um tempo imperial e majestoso: o Hotel Moskow é o melhor exemplo disso.
Quanto à gastronomia, é sobretudo baseada em carne, visto que não têm mar, e que servem em doses bastante pesadas. Gostei das muitas variedades de queijos e dos iogurtes, os pães também eram variados. O restaurante mais perto do hotel - Kovac - era bastante bom, com produção de pão própria (na foto, um pão gigante com uns 3 ou 4 kilos), e com uma garrafeira onde facilmente vimos os vinhos portugueses! Os preços são inferiores aos praticados em Portugal, e é preferível procurar opções mais caras porque não se fala Inglês em todo o lado. Num snack-bar, pedir uma sanduíche a apontar para os ingredientes foi uma experiência... diferente!

5 comentários:

Lia Teixeira disse...

Ainda que não tenha sido ou seria um local de escolha para férias, valem sempre pela experiência e o descobrir de algo novo estas viagens!!
Beijinhos grandes e bom fim de semana,
Lia.

Ana Teles | Telita disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ana Teles | Telita disse...

Adorei conhecer a Sérvia! Gosto tanto da Europa de Leste.

Prova Burek (com queijo) e Ćevapčići! É delicioso.


______________________
Ana Teles | Telita
blog: Telita na Cozinha

Marmita Lisboeta disse...

Lia: é verdade, é uma oportunidade de ficar pelo menos com uma impressão de locais e culturas diferentes, embora por vezes se consiga ver muito pouco...

Telita: Também acho que despertei para a Europa de Leste, quem sabe não programo umas férias para essa zona...? Pelo menos tem uma vantagem: é mais barata do que a Europa Central.
Beijinhos

Tertúlia da Susy disse...

Gostei da descrição, obrigada pela partilha!
Bjs, Susana

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...