segunda-feira, 21 de abril de 2014

Eliminar o desperdício alimentar

Depois de uns dias de descanso e de festas em família, um regresso à rotina para uma semana mais curta, mas intensa! E que boas notícias chegaram nos últimos dias!
 
via http://www.recycleforgreatermanchester.com
Lisboa quer ser a primeira capital «Zero desperdício»: "Associação Dariacordar recuperou em dois anos mais de 900 mil refeições que tinham como destino o lixo", pode ler-se nesta notícia da TVI 24. Até agora, funcionava apenas numa freguesia de Lisboa e nos municípios de Sintra, Cascais e Loures e precisou de uma mudança na lei de Saúde Pública para poder proceder a recolhas de alimentos em cantinas, supermercados, hotéis, hospitais ou escolas.
Agora foi assinado um acordo entre a associação, a Fundação Gulbenkian e a Câmara de Lisboa para alargar a todo o concelho da capital. Entre os cerca de 100 doadores estão, por exemplo, a Assembleia da República, o Banco de Portugal ou a Caixa Geral de Depósitos.

A Re-food quer passar dos seus quatro centros em Lisboa para 15 a 20 em todo o País até ao final do ano: a associação criada e gerida pelo americano Hunter Halder (de que falámos aqui) já distribuiu mais de 300 mil refeições desde que começou a sua actividade, a partir das traseiras da Igreja de Nossa Sra de Fátima, em Lisboa, e espera agora alargar o modelo a mais cidades portuguesas.

Outro projecto que combate o desperdício alimentar é o da Fruta Feia, de que já falámos aqui.

1 comentário:

Ana Teles disse...

Excelente iniciativa.

______________________
Ana Teles | Telita
blog: Telita na Cozinha

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...